ÚLTIMAS POSTAGENS

Pés de princesa - Veja dicas para ter pés saudáveis e lindos.


Quem gosta de verão está contando os dias para voltar a usar sapatos abertos. Mas, para isso, os pés precisam estar bonitos, né? Veja como se livrar dos principais causadores de incômodos e previna-se!

Joanete

Considerado um problema ortopédico, um estudo feito pelo Framingham Foot Study,  nos Estados Unidos, constatou que o joanete está ligado à genética. O calçado, portanto, não é causador do problema, mas ajuda a piorá-lo. “O sapato de salto alto faz com que a pessoa force a base do hálux (dedo maior do pé), que sofre um desvio”, explica a dermatologista Mônica Aribi, de São Paulo.

Solução: o tratamento é sempre cirúrgico, mas apenas indicado nos casos de dor. Reserve o poder dos saltos altíssimos para ocasiões especiais.






Micose

Também chamada de frieira, ela nada mais é do que a contaminação de pele, pelos e unhas por fungos. “Sapatos muito fechados e que aumentam o suor podem promover a proliferação de fungos”, diz Mônica.

Solução: são indicados medicamentos tópicos ou orais, à base de antifúngicos. E para prevenir, o dermatologista Adilson Costa, de São Paulo, lembra que é preciso manter a pele, as unhas e os cabelos sempre bem limpos, secos e arejados.

Chulé

O mau cheiro é provocado pelo suor excessivo e piora quando há falta de higiene, o que leva ao aumento de fungos e bactérias. “O chulé é resultado de pés úmidos, abafados, pouco asseio e sapatos que não são limpos com frequência”, enumera Costa.

Solução: “Antes de colocar meias, passe um talco antisséptico”, indica Costa. E lave e seque bem os pés e entre os dedos.

Rachadura

É caracterizada, segundo Adilson Costa, por um espessamento intenso da camada de células mortas da pele, que acontece, geralmente, por aumento de peso ou traumas repetitivos. “Em algumas pessoas que andam muito descalça, a planta do pé cria camadas para se defender das agressões do solo e começa a rachar”, diz Mônica.

Solução: “O uso de hidratantes à base de ureia todas as noites ajuda muito e facilita o lixamento domiciliar semanalmente”, orienta Costa, que ainda defende como prevenção o uso de cremes e o controle de peso. Também é importante não andar descalça e evitar usar sandálias abertas, que expõem a planta dos pés a traumas.

Calo

É uma lesão provocada por algum trauma mecânico, como calçados muito apertados”, explica o dermatologista Adilson Costa.

Solução: nos casos iniciais, indica-se aplicações com cáusticos para diminuir a espessura da calosidade e cessar a dor. E, para prevenir, bye, bye sapatos apertados.

Gostou? Então compartilhe:

A reprodução do conteúdo deste blog é permitida e incentivada, desde que citada e linkada a sua fonte.
Todas as postagens aqui são linkadas.
 
TOPO
Copyright © 2015 Pra Ficar Charmosa. Designer by OT | GT